terça-feira , 23 Janeiro 2018
Home » Mídias » Esboço » Expresse a Natureza de Cristo

Expresse a Natureza de Cristo

culto-20-11

esboco_expresse_a_natureza-1 (Arquivo)

INTRODUÇÃO

“E o Verbo se fez carne e habitou entre nós, cheio de graça e de verdade, e vimos a sua glória, glória como do unigênito do Pai” (João 1.14).

Como não pretendo enfatizar a questão teológica em si e suas devidas implicações, desenvolverei este assunto de uma maneira totalmente pratica a fim de sabermos como expressar a natureza de Cristo em nosso dia a dia.

ASPECTOS DA NATUREZA DE CRISTOo-processo-de-crescimento-espiritual-132

NATUREZA TERRENA

– Pessoalidade – Qualidade do que é pessoal. = PERSONALIDADE

Nós precisamos em nosso dia a dia expressar este aspecto da natureza de Cristo, pois nesta era digital temos deixado a pessoalidade de lado e nos aprofundado no isolamento. A internet não pode roubar de nós a pessoalidade e a riqueza dos relacionamentos profundos. (João 4-Mulher samaritana / João 8-Mulher adúltera)

– Simplicidade – Qualidade do que é simples, sem complicação.

É em simplicidade que devemos andar e levando as boas novas do Reino. Expressar este aspecto da natureza de Cristo nos faz ver as pessoas como Ele viu não como objeto de conquista, mas como a importância absoluta da vida.

NATUREZA DIVINA

– Perdão – Somos convidados a seguir o exemplo do nosso Mestre em relação ao perdão. Expressar este aspecto da natureza de Cristo pode ser muito difícil para algumas pessoas, entretanto acredito que só aqueles que ainda não reconheceram o perdão proporcionado pelo Pai têm essa dificuldade.  “Pai, perdoa-lhes, pois não sabem o que estão fazendo” (Lc 23.34)

– Amor – O que é amor? R: Deus é amor, e aquele que permanece no amor permanece em Deus, e Deus, nele. (1 Jo 4.16)

Qual é o significado do amor? R: Nisto conhecemos todo o significado do amor: Cristo deu a sua vida por nós e devemos dar a nossa vida por nossos irmãos. (1 Jo 3.16)

Qual é o resumo do amor? R: Assim, nisto se resume o amor: não em que nós tenhamos amado a Deus, mas em que Ele nos amou e enviou o seu Filho como propiciação pelos nossos pecados. (1 Jo 4.10)

CONCLUSÃO

Devemos expressar a natureza de Cristo que habita em nós, pois a essência da vida é expressar a natureza de Cristo; expressar a natureza de Cristo independe das circunstancias e da reciprocidade das pessoas é uma escolha daqueles que foram chamados para serem discípulos de Jesus até que Ele volte.

About Marcos Vinicius de Souza

Além disso, verifique

Jardim das Oliveiras, lugar de lidar com as nossas motivações

Celulas – Jardim das Oliveiras lugar de lidar com as nossas motivacoes (Arquivo) Jadson A.R. da ...